Domingo, Abril 23, 2017
   
Text Size

“Familia Saúde” – Abraçar dá saúde…

Depois da iniciativa da AMI no dia 5 de Dezembro, queremos agradecer a todos os que participaram, à equipa da farmácia e em particular à grande voluntária Cláudia, agora baptizada de “Lanzinha”, pelo feliz dia dos abraços.

Uma relação forte e duradoura, onde abraçar faz parte do dia-a-dia, pode proteger contra futuras doenças cardiovasculares, além de fazer bem à saúde em geral. Afinal está provado que abraçar diminui a pressão sanguínea, o batimento cardíaco e o nível de hormonas ligadas ao stress, como o cortisol e a noradrenalina.

Quando abraçamos alguém, aumentamos a produção da hormona ocitocina, também conhecida por hormona do amor, ajuda a baixar a pressão arterial, reduzir o stress e a ansiedade e até pode melhorar a memória.

Como complemento do que já foi dito fica o poema de Maria João:

“Quero que saibam o quanto um Abraço é importante…
Precisamos de 4 Abraços por dia para sobreviver…
Precisamos de 8 Abraços para nos manter…
Precisamos de 12 Abraços para crescer…

 Abraçar é saudável; ajuda o sistema imunológico.
Cura a depressão, reduz o stress, induz o sono, é revigorante,
Rejuvenesce, não tem efeitos colaterais indesejáveis.
É nada menos que um remédio milagroso!
Abraçar é totalmente natural.
É orgânico, não contém ingredientes artificiais.
Não contém conservantes; é 100% integral.
É naturalmente doce e não engorda.
Abraçar é praticamente perfeito.

Não quebra partes moveís,
não tem baterias que acabam,
Não precisa de chek-ups periódicos,
Não requer consumo de energia,
Nem exige prestações nem seguros,
Não é poluente e é perfeitamente retornável!
O Abraço é o meu sinal favorito de afeição!
Ele pode significar tanto, e tantas coisas ao mesmo tempo!
Pode significar um sinal de Amor, de Amizade, de Conforto,...
…Ou tudo junto!”

 

Anabela Mascarenhas e Cláudia Duarte