Sábado, Janeiro 21, 2017
   
Text Size

“Família Saúde” – Tatuagens... Cuidados a ter.

Uma tatuagem consiste numa quebra da barreira da pele, devido à introdução de pigmentos e corantes através de uma agulha. A aplicação da tinta faz-se geralmente na papila dérmica, localizada após a epiderme, a camada superior da pele. Portanto, a tatuagem pode, sim, apresentar um risco de transmissão de doenças virais (Hepatite B e C e SIDA) e bacterianas (estafilococos, estreptococos). Além disso, a tatuagem pode provocar reacções alérgicas como inflamações crónicas (vermelhidão, inchaço) ou um eczema ligado ao contacto com o pigmento. Ou seja, nem todos podem fazer tatuagens. Mulheres grávidas, hemofílicos ou pessoas alérgicas às substâncias utilizadas durante a tatuagem (pigmentos, tintas, metais, látex) não podem, em princípio, recorrer a esta prática.

Para reduzir o risco da disseminação de doenças veiculadas pelo sangue e por bactérias, os tatuadores devem utilizar sempre equipamentos esterilizados, agulhas novas, luvas e máscaras descartáveis. Também devem abrir novos recipientes de tinta para cada tatuagem – nenhum destes equipamentos deve ser reutilizado ou compartilhado, em nenhuma circunstância. Os equipamentos feitos e usados de forma artesanal e que não sejam esterilizáveis, podem ser perigosos.

É ainda importante estar consciente de que uma tatuagem é definitiva e não desaparece com o tempo.

Aconselha-se ainda que se deve visitar as lojas antes de fazer uma tatuagem, e fazer perguntas aos tatuadores quanto à esterilização e a segurança dos equipamentos.

Outro cuidado que não pode jamais ser esquecido: nos primeiros dias, a tatuagem é uma ferida aberta que precisa ser adequadamente tratada. O tempo de cicatrização depende da pessoa e do tamanho da tatuagem. Em geral, são necessárias duas semanas. Durante este período, deve:

  • Manter o penso ou a película, no mínimo, durante 5 horas. Depois de retirar, deixe a zona a descoberto para secar;
  • Lavar duas ou três vezes por dia com um anti séptico ou com água e sabonete suave e secar com compressa esterilizada, sem esfregar;
  • Depois de seca, aplique um creme adequado e cicatrizante sobre a tatuagem;
  • Não tocar, esfregar ou raspar a área. Se formar crosta, não a arranque. Se o fizer, além de interromper a cicatrização, corre o risco de danificar a tatuagem ou pior ainda, pode infectar;
  • Evitar a exposição ao sol/solário, não tomar banho no mar ou na piscina, nem fazer sauna ou banhos de imersão;
  • Usar roupa leve e relativamente larga. Se tatuou as pernas não deve usar meias sobre as mesmas.

Qualquer dúvida sobre a ferida ou a sua cicatrização, esclareça-se com o seu farmacêutico.

 

 Anabela Mascarenhas e Ana Paula Santos