Hematúria; urina com sangue.

A presença de sangue na urina, ou hematúria, pode ser classificada como microscópica ou macroscópica.

  • Hematúria microscópica: quando há muito pouca quantidade de sangue na urina que só pode ser observada com um microscópio.
  • Hematúria macroscópica: quando há sangue suficiente na urina para que se possa observar a olho nu. Geralmente, a água da sanita torna-se vermelha brilhante ou rosa pálida, ou simplesmente observa-se manchas de sangue na água depois de urinar.

Considerações gerais:

Nas mulheres, pode parecer que há sangue na urina, quando na realidade ele provém da vagina, enquanto nos homens o que pode ser confundido com sangramento urinário é, por vezes, uma ejaculação com sangue, geralmente devido a um problema da próstata. Em alguns casos, o sangue na urina pode por vezes ser confundido com sangue proveniente de evacuações (expulsão de matérias fecais). Em qualquer dos casos, deve consultar um médico.

A coloração produzida por certas drogas, a beterraba ou outros alimentos pode simular a presença de sangue na urina.

É possível não se observar nenhum sangue na urina. Em alguns casos, este é detetado microscopicamente quando o médico faz exames à urina durante um exame de rotina. O médico irá acompanhar este problema para ver se ele persiste e identificar a sua causa.

Quando o sangue é visível a olho nu, é sempre necessária uma avaliação rápida e completa. No caso de se tratar de crianças, a hospitalização é muitas vezes necessária para completar o tratamento.

Causas comuns:

Existem muitas causas potenciais para a presença de sangue na urina. Com frequência, o sangue na urina deriva de um problema nos rins ou de alguma outra parte das vias urinárias. Quando se constata que os rins, as vias urinárias, a próstata, e os genitais estão saudáveis, o seu médico pode verificar se tem um transtorno hemorrágico.

Entre as causas com origem nos rins e nas vias urinárias, estão as seguintes:

  • Cancro da bexiga ou dos rins
  • Pedras nos rins ou cálculos na bexiga
  • Doença renal a seguir a uma faringite estreptocócica (glomerulonefrite pós-estreptocócica), uma causa clássica de sangue na urina em crianças
  • Insuficiência renal
  • Infecção da bexiga, rins ou uretra
  • Inflamação da bexiga, uretra, próstata ou renal (glomerulonefrite)
  • Lesão do rim ou da bexiga
  • Doença renal policística
  • Procedimento recente nas vias urinárias, tais como cateterismo, circuncisão, cirurgia ou biópsia renal

Entre as causas com origem em transtornos do sangue incluem:

  • Transtornos hemorrágicos (tais como a hemofilia)
  • Coágulos de sangue nos rins
  • Trombocitopenia
  • Medicamentos incluindo anticoagulantes (como varfarina)
  • Anemia falciforme

Solicite assistência farmacêutica e médica se:

O sangue na urina não deve ser ignorado em nenhuma situação. Informe o seu médico acerca deste sintoma e obtenha uma avaliação adequada, especialmente se apresentar perda de peso inexplicável, desconforto ao urinar, micção frequente ou urgente.

Consulte o médico imediatamente se:

  • Apresenta febre, náuseas, vómitos, calafrios ou dor no abdómen, nas laterais do tronco ou nas costas
  • For incapaz de urinar
  • Está a eliminar coágulos de sangue na urina

Também consulte o seu médico se:

  • Apresenta dor durante o ato sexual ou sangramento menstrual abundante, caso em que o problema pode estar relacionado com os órgãos reprodutores.
  • Apresenta micção noturna, gotejamento pós-miccional ou dificuldade em iniciar o fluxo de urina, caso em que o problema pode estar relacionado com a próstata.

O que esperar na consulta:

O seu médico irá elaborar a história clínica e realizar um exame físico. Entre as questões para a história clínica estão:

  • Quando é que começou a notar que havia sangue na urina?
  • Qual é a cor base da sua urina?
  • Apresenta alguma dor ao urinar?
  • A quantidade de urina tem aumentado ou diminuído?
  • A urina tem algum odor?
  • Tem urinado com mais frequência?
  • Apresenta uma necessidade urgente de urinar?
  • Quais os medicamentos que está a tomar, incluindo os que não têm receita médica?
  • Comeu recentemente alimentos que possam causar uma mudança na cor da urina, como beterraba, bagas, ou ruibarbo?
  • Tem outros sintomas como dor no abdómen, nas costas ou de lado? Houve febre, perda de peso, náuseas, vómitos ou diarreia? Micção noturna? Gotejamento após urinar? Secreção do pénis ou da vagina? Há dor durante o ato sexual?
  • Teve anteriormente problemas urinários ou renais?
  • Sofre de alergias?
  • Existem antecedentes de consumo de tabaco?
  • Teve alguma lesão recente?
  • Teve algum diagnóstico recente ou procedimento cirúrgico que envolvesse o trato urinário?

Os exames que podem ser realizados incluem:

  • Ecografia abdominal
  • Teste de anticorpos antinucleares para lúpus
  • Nível de creatinina no sangue
  • Fórmula leucocitária
  • Hemograma completo (CBC)
  • Tomografia computorizada abdominal
  • Cistoscopia
  • Urografia endovenosa (PIV)
  • Biópsia renal
  • Radiografias dos rins
  • Teste para estreptococos
  • Testes para lúpus
  • Testes para anemia falciforme, problemas de sangramento e outras doenças do sangue
  • Análise de urina
  • Cultura de urina
  • Recolha de urina de 24 horas para creatinina, proteínas e cálcio

O tratamento vai depender da causa do sangue na urina. Se for confirmada a presença de uma infecção urinária, podem ser prescritos antibióticos. Se tal for considerado adequado à situação, poderão ser administrados analgésicos.

Farmácia Saúde Farmacia Saude